jueves, 3 de abril de 2008

Noctivagações I


Poderia criticar o que se ve, poderia calar o que não se ve e com o qual não se concorda, porque não se entende. Poderia discordar por uma questão de princípios…não por capricho, nem pela necessidade dalguma visibilidade pessoal que alguns demonstram. Poderia explorar as capacidades, aquelas que sei, poderia possuir o poder que tanto assusta a alguns, bem sei…aquele potencial, aquela coisa que sentimos dentro de nós, que se algum dia decidirmos fazer como outros fazem…mas não. Frontalidade e transparência, libertar-se das hipocrisias, lutar todos os dias contra a mediocridade imperante e fugir dos joguinhos de interesse…tão simpáticos esses jogos previsíveis que até vontade de vomitar dão. Irreverente e teimoso por vezes…atento ao mundo que me rodeia. Sem frustrações, divertido com os esquemas que se montam, quando existe medo; a sombra da ignorância irracional, que não existe na mente de quem procura a luz e constrói diariamente templos à virtude...medindo, estudando proporções, curvado... observando o sol e as estrelas...que não se vêem...

Sementem ut feceris, ita metes...

1 comentario:

Marina Fatiane dijo...

muito profundo
me identifiquei com algumas frases como quando você cita sobre algumas siuações que nos acontecem e que sao tao previsiveis...
voce escreve muito bem